A Konduto, uma empresa especializada em fraude on-line e parceira da Emailage, realizou um raio-X da fraude no Brasil. Segundo esse relatório, as tentativas de fraudes em 2018 caíram 27,3% comparadas a 2017. Porém, esse resultado não demonstra necessariamente que as fraudes tenham diminuído, mas que as lojas on-line estão se protegendo mais. Em 2018, ainda tivemos 553 tentativas de fraude por hora no e-commerce brasileiro, o equivalente a uma tentativa a cada 6,5 segundos. O dia com maior índice de tentativa de fraude é na quarta-feira, 16,31% das tentativas de golpes foram feitas nesse dia, seguido por terça-feira (15,63%), quinta-feira (15,17%), sexta-feira (15,01%), segunda- feira (14,55%), sábado (12,39%) e domingo (10,94%). 

Ou seja, os criminosos costumam estar mais ativos entre terça e sexta-feira, enquanto o ritmo diminui consideravelmente no fim de semana. Indo contra a crendice popular, as tentativas de fraudes ocorrem durante o dia, entre 12h e 00h, tendo 18,04% dessas tentativas se concentrando entre as 14h e 16h59. 

O segundo período de tempo com maior tentativa de fraude é entre 18h e 23h59 (33,36%), e em seguida entre 06h e 11h59 (17,59%). Apenas 14,1% das tentativas são entre 00h e 06h. A maioria das compras via internet são realizadas via computador (50,43%), mas os smartphones estão encostando, representando 49,29% do total das compras realizadas. Com isso, o computador também é favorito para atividades fraudulentas. Mais de 63% das tentativas vieram de computadores e quase 36% de smartphones. Já os tablets representam 0,82% das tentativas e outros apenas 0,01%. 

O sistema Windows é o mais utilizado para compras on-line e também para fraudes, sendo que 50,65% dos pedidos legítimos vieram através dele e 63,49% dos fraudulentos também. Na sequência estão os sistemas Linux, com 24,75% de tentativas, e o Mac, com apenas 11,76%. Vale ressaltar que o Linux possui mais compras legítimas que fraudes (30,46%). Já como navegador de internet, o Chrome é, pelo terceiro ano consecutivo, o campeão de utilização, tanto de compras legítimas (76,49%) como fraudes (80,89%), seguido do Safari (10,23%), Firefox (6,08%), Opera (2,05%), Android Browser (0,11%), Chromium (0,04%) e outros (0,07%). O navegador Safari possui mais representatividade nas compras legítimas (17,74%) do que nas tentativas de fraude. 

PREVENÇÃO É SEMPRE A MELHOR SAÍDA 

Para evitar que seu negócio caia em fraudes, a melhor solução é se proteger utilizando os serviços de uma empresa especializada em avaliação de dados dos usuários, como a Emailage. Através da análise de dados de um comprador, como e-mail, IP, CPF, RG, endereço de entrega e mais 150 itens que podem ser verificados, a Emailage, com sua base de dados de 8 milhões de informações, consegue avaliar cada comprador e lhe dar um score de 1 a 6, sendo 1 a 2 para comprador muito seguro, 3 a 4 com média segurança ou falta de informações sobre ele, e 5 a 6 são compradores com dados suspeitos e possíveis fraudadores. Dessa forma, seu e-commerce fica muito mais protegido contra as tentativas de fraude. Converse conosco e mostraremos a você a melhor opção para sua empresa!